domingo, 24 de maio de 2015

Minha Opinião: Acidente de Verstappen Com Grosjean e Transmissão da Globo


Acho que isso é mais importante do que já escrever sobre a corrida hoje, acredito que não vou ter tempo para escrever o que aconteceu nela. Então decidi falar um pouco da transmissão da Globo e do acidente de Max com Romain. Primeiro gostaria de falar sobre a transmissão da RGT, que depois de alguns meses pecou mais uma vez, e dessa vez não por ter divido a tela ou perguntado á alguém que não sabe de nada da F-1, e sim pelo jeito que narraram a corrida.

Sei que Galvão Bueno, Reginaldo Leme e Luciano Burti são pessoas extremamente profissionais e estão preparados para descrever o que está acontecendo na corrida, mas ás vezes passam dos limites na relação dos erros. Só quero falar também, que acho o Galvão o melhor narrado brasileiro para F-1, isso é verdade para mim, ele traz muitas vezes emoção para a categoria, mas atualmente ele não está mais como estava no seu auge.


Reginaldo Leme é meu preferido lá na "sala da RGT", sou bastante fã dele e gosto de seus comentários, mas dessa vez me surpreendi com que ele falou. Tudo começou quando aquele pequeno garoto, de 17 anos, começou a dar um show numa corrida que foi "dormível". Torço mais para o Max do que até mesmo para o Nasr, talvez por ter crescido em uma época sem nenhum título brasileiro.

O holandês começou a fazer ultrapassagens ousadas, então... Galvão Bueno começou a dar sua opinião sobre o garoto, tudo bem! Ele é talentoso, mas também não tem juízo, foi perto disso que o narrador disse sobre Verstappen. Naquele momento pensei: "Não tem juízo? Por quê? O muleque nem sequer bateu na F-1, nem foi punido, nada de louco". Daí ele começou a repetir isso milhares de vezes.


Até que em uma dessas vezes, ele afirmou que em duas vezes que abandonou foi a culpa da própria falta de juízo, daí eu pensei novamente: "Foi falta de juízo? Ele tá pensando que ele bateu para abandonar? Ele teve problemas no GP da Austrália, na China e no Bahrein!" Eu esperei mais um pouco, achei que seria apenas ele que falaria aquela loucura, mas depois veio o "baque".

Ao invés de corrigir, Reginaldo Leme afirmou o mesmo, isso me deixou mais triste ainda. Sou fã dele, gostaria de trabalhar ao lado dele, mas jamais imaginei que falaria uma coisa dessas. Agora restava apenas Burti corrigir, mas mesmo assim ele não falou. E como era uma corrida ás 9 da manhã, era mais provável ter mais pessoas assistindo, pessoas que não acompanham F-1.


Essas pessoas ouviram essa coisa e ficaram pensando sobre isso, e logo depois viram o menino que jamais havia batido na F-1, encher a traseira de Grosjean e bater forte na Sain-Devote. Agora eu pergunto: "O que essas pessoas vão pensar desse menino, que deve ter um futuro brilhante pela frente, e é dito como um futuro Senna ou Schumacher? Vão pensar que ele é mais um inexperiente e imprudente piloto da F-1"

Mas ainda bem que estou em quase todos, senão todos, os grupos de F-1 no facebook, e tenho pessoas que entendem do assunto e sabem falar coisas corretas, mas também tem alguns... que parecem que só estão ali para querer mostrar que sabe alguma coisa da categoria. Com isso, me relembrei de um acontecimento, há quase 24 anos atrás....

Olha só quem encontrei em busca de fotos dessa corrida...

GP do Japão de 1991, umas das primeiras corridas de Schumacher na F-1, e já contratado pela Benetton, o alemão abandona. Já se sabia que em 1992, Schummy e Martin correriam na equipe do "Tio Flavio", e que Nelson Piquet não correria pela equipe e deveria caçar algum lugar na F-1. Com isso, o nosso amado narrador começou a bombardear criticas em cima do alemão, falando que era uma loucura ele ser contratado com Brundle e coisas assim. E isso foi repetido 2 anos depois, em 1993.

Ele pouco imaginava, que esse alemãozin seria 7 vezes Campeão do Mundo, a ponto de ser considerado um dos melhores pilotos, senão o melhor, de todos os tempos por várias pessoas. Já escrevi sobre o GP da Itália de 2000, e nesse sábado eu estava assistindo a corrida. Mazzacane estava á frente do alemão, que passou rapidamente pelo argentino, mesmo assim Galvão exaltava Schummy e ridiculariza o piloto hermano. Isso mostra, que bombardeia os outros de critica no começo de sua carreira, e mais tarde, quando ele já está consagrado, fica "puxando o saco"...

Para mim, Max tem um belo futuro

Eu gostaria muito de ainda narrar, ou comentar uma corrida de F-1 pela Globo, no futuro, já que tenho 14 anos. Mas acho que depois de encher de criticas ela, acho que minhas chances estão menores. Mas ainda acho que ela poderá acordar para a vida e perceber que o verdadeiro público da F-1 não está gostando nada do modo que eles tratam a categoria, e poderão querer alguma mudança... tomara...

Eu também penso... eles já estão velhos, não há como negar, já estão narrado a F-1 desde a década de 70 e 80, e já passaram de 50 anos. Tudo bem, eles podem continuar mais alguns anos, mas chega uma época que tem que parar, não sabemos quando, mas tem. Não quero dizer que não quero ve-los narrando a F-1 já de imediato, só estou dizendo que eles devem ter o juízo de saber quando é hora de parar, quando o povo fala que eles nem sequer conseguem falar as coisas certas. Como eu falei no inicio da temporada (e agora com algumas mudanças), chama um pessoal jovem, novo, ou até mesmo algumas pessoas mais experientes, me chamem se quiser, e façam uma transmissão com pessoas que sabem comentar (não que Regi e Burti não saibam) e narrar uma corrida de F-1.

Rádio: "Maldonado, You still azarado"

Só chamar o pessoal que escreve em sites, jornais, blogs (como eu), e só mandar eles comentarem do que estão achando, o que esperam, suas conclusões e coisas assim. Seria bom eles pararem com o pachequismo de falar que brasileiro está bem na categoria, e falar a verdade. O povo que verdadeiramente ama á F-1, como eu, assiste ela se tiver chato, legal, com 30 ou 10 carros, com ou sem brasileiro, com ou sem domínio.... Eu cresci vendo Rubinho ser 2º e Massa vice, por isso torço por Schumacher, Kimi, Heidfeld, Seb, Button, Hulk e outros que estrearam até 2010...

Agora vamos para a minha opinião sobre o acidente. Muita gente culpa o Grosjean de ter freado cedo, e outros Max, por ser jovem e ter tentado o impossível. Para mim foi um acidente de corrida, porque Grosjean freou no ponto correto (só ver onboards, se duvidar), mas de maneira muito mais forte do que o normal, com o intuito de defender. O francês não imaginava que Verstappen tentaria a ultrapassagem, e por isso fez aquilo. O holandês veio, não conseguiu desviar, e bateu forte. Só!

Ele também não deve ser culpado

Acabou pessoal, espero que tenham gostado, e caso conheçam alguém que tenha algum site de automobilismo e queria algum colunista, estou aqui, sempre pronto para dar minhas opiniões sobre os acontecimentos da F-1....

E que frescurinha do Hamilton né pessoal? Mas não há o que reclamar por nossa parte, não queríamos treta na Mercedes? Ta aí! por isso eu não reclamo disso

Amanhã sai o texto sobre a corrida
Obrigado por ler :)

Imagens tiradas do Continentalcircus.blogspot.com - Motorsport.com - GPUpdate.net

10 comentários:

  1. Tomara mesmo que você consiga um trabablho na Globo, quem sabe volto a ver transmissão brasileira! haha

    Quanto ao acidente, Grosjean tava com pneu gasto e freou cedo sim e o Max não viu a tempo de desviar. E acho que o Hamilton tava certo em ficar irritado daquele jeito (talvez menos), foi o erro de estratégia da equipe que arruinou a corrida dele. Minha opinião.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tomara mesmo, obg pelo apoio, mas tenho que entregar nas mãos de Deus, porque ele sabe o que é melhor para mim! E ótima opinião, para mim o francês freou no ponto certo, mas bem lembrando por ele estar com os pneus desgastados, e em relação do Hamilton, eu achi feio, mas gostei, ele colocou mais uma pitadinha de treta nessa Temporada

      Excluir
    2. Além disso Max estava com as asas abertas, reação ali mesmo pra qualquer profissional, teria que ser épica.

      Excluir
    3. Ei, Vitor Veine... sabia que você é fã da F1, mas não sabia que essa paixão é assim tão grande. Abraços

      Excluir
  2. Opa, tudo bem?

    Eu tava lendo o texto, discordando de algumas coisas, concordando com outras...mas quando li que você tem apenas 14 anos, fiquei bastante e positivamente surpreso!
    Continue assim...a única forma de aprender, melhorar...é estudar e escrever cada vez mais a respeito...parabéns garoto!

    Se puder, recentemente criei um blog, acessa lá e dá uma moral para o tio de 31 anos aqui...rs...

    Ai vai o link: fanaticosporf1.wordpress.com

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Opa! Obg pelo apoio, e já estou vendo seu site, e quando vc falou tio lembrei do Tio Zangs...

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. É provável que você já tenha visto. Na dúvida...https://www.youtube.com/watch?v=3ujvQ-bJSSQ Senna Fala O Que Pensava de Schumacher Como Piloto 1994 - e estreantes...
    E o Montoya na Indy ontem lembrou velhos tempos...https://www.youtube.com/watch?v=C9Ve9BOIIac

    ResponderExcluir
  6. Galvão fala isso direto. Falava muito do Hamilton tbm!
    Uma pena é o Reginaldo entrar nessa tbm...

    ResponderExcluir